Arraial do Cabo

Foto: Clécio Mayrink

Localizada a 180km da cidade do Rio de Janeiro e a 15 Km de Cabo Frio, “Arraial” possui diversos pontos de mergulho e é uma cidade com uma beleza especial. Os mergulhos são ótimos e com fauna marinha bem variada. É comum esbarrar em arraias, tartarugas, moréias e em alguns casos raros, com cardumes de golfinhos. A fauna dos corais é bem grande e excelente para os amantes da fotografia close-up e macro.

Indo mergulhar em Arraial, não esqueça de levar uma roupa de neoprene mais grossa, pois a influência da ressurgência na área é muito grande.

Normalmente a temperatura da água gira em torno dos 15º aos 22ºC graus. Dependendo da época do ano, é possível encontrar águas com temperaturas de até 9 ou 26ºC graus, por exemplo.

Ressurgência, são correntes provenientes de grandes profundidades que alcançam a superfície, e por não receberem os raios solares nas grandes profundidades, essas águas acabam sendo bem mais frias, porém, mais limpas e azuladas. No caso de Arraial, a ressurgência é proveniente dos 350m de profundidade. Outro fator para que isso ocorra por lá, é o posicionamento da cidade em relação a costa brasileira, pois ela está exatamente em uma “quina”, o que facilita o alcance das correntes para mais próximo das praias.

Em determinadas épocas do ano, é comum aparecerem pinguins nas praias e baleias nadando ao longo da costa.

Pontos de Mergulho

Enseada das Paredes

Com grandes fendas e muita vida, sendo comum o encontro com grandes peixes de passagem. Atenção ao vento, correntezas e as grandes profundidades. Profundidade: 20 aos 40m.

Oratório

Possui grandes tocas, a possibilidade de ver peixes de fundo e de passagem, além de oferecer um abrigo razoável contra o vento nordeste. Atenção ao vento, correntezas e as grandes profundidades. Profundidade: 18 aos 36m.

Ponta do Meio

Características muito semelhantes a Ponta dos Ferreiros. Profundidade: 18 aos 38m.

Ponta dos Ferreiros

Geralmente com correnteza e como em todos os mergulhos do lado de fora da Ilha do Cabo Frio, é preciso ter atenção para ao vento, correntezas e as grandes profundidades. Profundidade: 18 aos 38m.

Ponta da Jararaca

A atração é o naufrágio do Teixeirinha, que está desmantelado e espalhado por esta ponta. Fundo característico de naufrágio, com Moréias, Lagosta e Mangangás. Profundidade: 12 aos 18m.

Saco do Cherne

A apenas 15min da Praia dos Anjos, o Saco do Cherne é uma enseada próxima à Prainha, com baixa profundidade, muita vida marinha e ótima para mergulhadores básicos. Um excelente ponto para os fotógrafos e possui uma beleza sensacional devido ao cenário local e a transparência das águas. Profundidade: 9 aos 16m.

Saco do Anequim

Este ponto representa uma fusão das características dos mergulhos do lado de dentro, como gorgônias e pouca profundidade, com algumas características dos mergulhos do lado de fora, como a possibilidade de vermos peixes de passagem. Profundidade: 9 aos 20m.

Praia do Pontal do Atalaia / Praia Grande / Prainha

As três praias são indicadas para a realização de snorkeling. Com baixas profundidades e vida marinha variada, frequentemente esbarra-se com arraias, tartarugas e moréias. As três praias são ótimos locais para realizar mergulhos noturnos. Um detalhe importante, é que a Praia do Pontal do Atalaia possui um acesso difícil e bastante complicado, uma vez que o mergulhador terá que descer à pé, uma grande encosta até a praia.

Enseada de Maramutá

É uma pequena enseada na face interna da Ilha de Cabo Frio, sendo um excelente ponto para os fotógrafos, principalmente para fotos em close-up e macro, devido à quantidade e variedade vida marinha diferenciada no local. É um local bem abrigado e com baixa profundidade, sendo um ótimo ponto para mergulhadores básicos quanto avançados.

Ilha de Cabo Frio

A Ilha de Cabo Frio, também conhecida como Ilha do Farol, possui uma beleza incontestável, como a pequena praia próximo ao Boqueirão (estreito da ilha com o continente), com a enseada de Maramutá. Na sua parte inferior, a profundidade é menor, indo dos 2 aos 18m, com águas claras e uma vida marinha variada, além de ser uma área totalmente abrigada do vento e mar agitado. Com excelentes pontos para mergulhadores básicos e/ou com pouca experiência.

Gruta Azul

Muito conhecida na região, a Gruta Azul é uma abertura em uma imensa pedra, localizada na Ilha de Cabo Frio, onde o mergulhador desce aos 10m e segue em direção ao interior da gruta. Seguindo em frente, é vista uma claridade proveniente do interior da gruta, onde o mergulhador chega à um “tubo” que segue em direção à superfície, que nada mais é, do que uma rachadura com 2 a 3m de diâmetro na rocha.

Atenção: Neste ponto deve-se ter cautela, pois existe um grande fluxo de refluxo do mar em função da movimentação das ondas, e além disso, no canto esquerdo, há uma pedra de forma pontiaguda onde o mergulhador poderá se ferir gravemente se não tomar cuidado. Houve pelo menos duas mortes de mergulhadores no passado. O acidente pode ocorrer quando mergulhador sobe através deste tubo para se chegar à superfície. O mergulho na Gruta Azul somente deverá ser realizado em dias de mar extremamente calmo e sem ondulações, pois o fluxo de água no interior é muito forte e já ocorreram mortes no local. Apesar da baixa profundidade, é um mergulho indicado aos avançados.

Gruta da Camarinha

Não tão conhecida pelos mergulhadores, a Gruta da Camarinha nada mais é do que uma rachadura em um imenso rochedo da Ilha de Cabo Frio, onde o mergulhador desce até os 35m e nada na horizontal durante 15 à 20min. Exibe duas entradas uma ao sul na cota dos 12m, e outra  leste na cota dos 15m, tendo sua profundidade máxima nos 35m. Devido à escuridão, o uso de lanternas é essencial e o mergulhador deve ser avançado e com boa experiência. O mergulho na gruta deverá ser realizado em dias de mar extremamente calmo e sem ondulações, pois o fluxo de água no interior é relativamente forte, principalmente na saída mais rasa, devido ao estreitamento no local, pelo posicionamento das pedras.

Atenção: Devido ao perfil do mergulho, deve-se tomar todo cuidado com o consumo de ar, pois a passagem pela gruta não permite que o mergulhador suba em caso de emergência. Este mergulho é indicado apenas para aqueles que possuam certificação em Overhead ou Caverna. Veja também: Mergulho com Teto – Uma questão de opinião e prudência

Gruta do Coelho

Gruta com 120m de comprimento localizada na Ilha de Cabo Frio, sendo descoberta em 2005 pelo instrutor Antônio Sérgio,  da operadora Deep Trip de Arraial do Cabo em 2005. Excelente mergulho, porém, destinado aos mergulhadores com experiência em caverna.

Ilha dos Franceses

Localizada em frente à Praia Grande, esta ilha é um excelente local para o mergulho, desde que a ressurgência não esteja muito forte, pois frequentemente a temperatura chega aos 9ºC. Com vida marinha variada, muitos peixes de passagem e em alguns casos é possível esbarrar com algum cação nadando pelo local. Normalmente quem mergulha ao largo da ilha, desce até o naufrágio Dona Paula, que está à baixa profundidade e ainda é possível ver seus canhões. Com muita sorte, pode-se esbarrar com uma das balas dos antigos canhões.

Ilha dos Porcos

Localizada em frente à Praia dos Anjos, tem baixa profundidade e vida marinha não tão bonita quanto os demais pontos em Arraial do Cabo. É um ponto bom para os mergulhadores com pouca experiência, pois o mergulho é abrigado e muito tranquilo.

Lado Norte – Fundo característico do lado de dentro do boqueirão, com gorgônias, eventuais tartarugas, e normalmente pouca correnteza. Profundidade: 12 aos 28m

Lado de Dentro – Fundo característico do lado de dentro do boqueirão, com gorgônias, eventuais tartarugas, e neste ponto um pouco de correnteza devido ao estreito. Profundidade: 9 aos 20m

Ponta Leste

Como o próprio nome diz, é uma ponta da Ilha de Cabo Frio, com muitos peixes de passagem e com profundidade variando entre 15 e 35m. É um mergulho para avançados e a realização de uma operação no local depende principalmente das condições do mar. Deve-se tomar cuidado com as correntezas no local.

Saco dos Ingleses

Localizado na Ilha de Cabo Frio, é muito frequentado pelos mergulhadores, principalmente por estar ali, o antigo naufrágio inglês Thetis. A temperatura local varia de acordo com a ressurgência, podendo chegar aos 9ºC. A vida marinha é abundante e a profundidade local varia entre 12 e 40m.

Redação

Se você possui mais informações sobre o assunto acima, entre em contato com a nossa equipe e ajude a tornar este site ainda mais completo. Isso ajudará os mergulhadores e todos aqueles que estiverem buscando por mais informações.