Bombinhas: Praia e Mergulho

Foto: Clécio Mayrink

Nem só de frio é feita a região sul do Brasil, e um grande exemplo disso, são as praias e as lindas paisagens naturais do estado de Santa Catarina, e talvez um dos locais mais conhecidos por lá, são as praias de Bombas e Bombinhas, distantes apenas 70Km da capital do estado, Florianópolis, e que pode ser alcançada facilmente em apenas 1h de carro.

As duas praias normalmente são calmas, sem grandes ondulações, e se tornou um balneário de descanso para muitos turistas, inclusive, “los hermanos” uruguaios e argentinos.

A região possui diversos hotéis, porém, o número de pousadas se destaca. São inúmeras opções para estadia, atendendo todos os gostos e bolsos.

Santa Catarina em si, é um estado onde a pesca de alto-mar é muito ativa e a culinária em sua grande parte, é voltada para pratos com peixes.

Bombas e Bombinhas lembram um pouco a cidade de Búzios, no Rio de Janeiro, com um estilo tranquilo, diversas lojas de roupas de praia e um estilo de cidade praiana.

Foto: Leandro Rangel

Mergulho

A região possui uma vida marinha variada, e pra quem curte uma fotografia subaquática, a macrofotografia se destaca em razão do tipo de vida marinha encontrada.

Quem ainda não possui curso de mergulho, consegue realizar um batismo facilmente. Há uma base de mergulho que pode ser alcançada facilmente de barco em poucos minutos, contando com toda a estrutura necessária para que a pessoa consiga ter uma excelente experiência no primeiro contato com o meio aquático marinho.

Segundo Leandro Rangel, da escola Submariner de Bombinhas, todos os dias diversos mergulhadores realizam o batismo e acabam se encantando com o mergulho por lá.

Foto: Leandro Rangel

Além dos mergulhos

Após uma manhã de mergulho, o turista ainda pode aproveitar pra curtir as praias da região. Uma boa opção é a praia de Mariscal, com extensa faixa de areia e com a possibilidade de praticar o surf.

Desejando uma praia mais tranquila, a praia de Zimbros também é uma opção.

Foto: Leandro Rangel

Uma opção de passeio, é a visita ao mirante do Morro do Macaco, Capela Imaculada Conceição, inaugurada em 1928, e o Museu Naval Casa do Homem do Mar. Se você tiver mais tempo, outras opções que valem uma visita, é a cidade de Porto Belo bem próxima, e a 1:30h de carro, o parque temático do Beto Carrero World, na cidade de Penha e que atende perfeitamente os adultos e crianças, sendo recomendável 2 dias de parque.

 

Dicas

  • A escola e operadora da mergulho Submariner possui a estrutura para batismos e cursos de mergulho. O site deles é www.submarinescuba.com.br;
  • Para chegar a Bombinhas de avião, o aeroporto mais próximo é o de Navegantes e a segunda opção, Florianópolis, distante alguns quilômetros mais;
  • Indo de carro é preciso pagar a taxa de R$ 24 por veículo, referente à Taxa de Preservação Ambiental (TPA), imposta pela prefeitura local. É uma taxa que causou muita polêmica e a justiça ainda discute sua legalidade. A taxa pode ser paga em alguns quiosques da prefeitura na cidade.
Clecio Mayrink
Nascido no Rio de Janeiro, ingressou no mergulho em 1987 pela CMAS e realizou Dive Master em 1990 pela PADI. Hoje é mergulhador Técnico Trimix (Mergulho Profundo) e de cavernas (Technical Cave Diver e Advanced Cave Side Mount / No Mount). É juiz internacional de apneia pela AIDA e foi membro da expedição de mapeamento da Lagoa Misteriosa em Bonito-MS em 2008. Foi o idealizador do site Brasil Mergulho criado em 1998 (MTB 0081769/SP), atuou como consultor para a ONU, UNESCO, além de diversos órgãos públicos no Brasil.