GoPro: De um império para a decadência

Drone Karma da GoPro após uma queda.

Ela surgiu devagar no mercado e os primeiros a conhecê-la, foram os surfistas. Aos poucos as pessoas foram conhecendo a câmera GoPro, que surgiu com o conceito de gerar imagens sob ângulos inéditos.

Com um rápido sucesso crescente, a GoPro evoluiu e se tornou a câmera mais vendida em todo o mundo, pois suas dimensões permitiam a captação de imagens sob novas perspectivas até então, inimagináveis.

A empresa cresceu exponencialmente e entrou para a NASDAQ, com suas ações em alta.

O tempo passou e buscando novos produtos, a GoPro decidiu lançar o drone Karma, um equipamento que utilizava a câmera GoPro para filmar e fotografar, sendo um tiro no pé.

O projeto do drone demorou muito tempo, ao todo foram dois anos com a GoPro anunciando que iria lançar o seu próprio drone, deixando todos cansados de esperar, e quando finalmente lançaram o drone Karma, a empresa DJI lançou uma semana depois o drone Mavic, com características muito melhores que as do Karma, preço inferior e sem a necessidade de usar uma GoPro para captar as imagens. Foi um banho de água fria no Karma e na GoPro.

Se não bastasse, os drones Karma começaram a despencar dos céus, com problemas na bateria, onde em pleno voo o drone se desligava e caindo até o chão.

Foi feito um recall das baterias e gerou prejuízos e uma decepção geral, fazendo com que as ações da GoPro despencassem na bolsa.

Já há algum tempo a empresa anda dando sinais de uma situação difícil. Na semana passada eles anunciaram o abandono da comercialização do Karma e de projetos envolvendo drones, demitindo 250 funcionários. Hoje a empresa conta com 1.000 ao todo.

Na última segunda-feira, a CNBC comunicou que a GoPro está à venda e em busca de novos investidores, contratando a JP Morgan Chase, instituição líder mundial em serviços financeiros, para ajudar a buscar um comprador ou parceiro em potencial.

Agora resta saber… chegaremos à GoPro 7 ?

Redação
Se você possui mais informações sobre o assunto acima, entre em contato com a nossa equipe e ajude a tornar este site ainda mais completo. Isso ajudará os mergulhadores e todos aqueles que estiverem buscando por mais informações.