Entrevista: Instituto Laje Viva e a realização de um documentário sobre a Laje de Santos

Foto: Clécio Mayrink

A equipe do Instituto Laje Viva, está desenvolvendo um projeto, para a realização de um documentário em vídeo sobre a Laje de Santos.

Saiba mais sobre o projeto abaixo:

O Instituto Laje Viva está realizando mais um projeto sobre a Laje de Santos. O que seria esse projeto ?
É o projeto de um documentário, com belas imagens tanto subaquáticas como e terrestres, de toda a fauna existente no local. Através da biodiversidade do local, pretendemos fazer a ligação de depoimentos das pessoas ligadas ao Parque, contando sua relação e a importância da Laje de Santos na sua vida, dando ênfase a relação Homem X Meio Ambiente.

Faremos 2.000 DVD´s com aproximadamente 50 minutos de duração, que serão distribuídos gratuitamente para áreas de interesses e pessoas que desejam receber o DVD. Disponibilizaremos também pela internet, para quem tiver acesso e queira “baixar” o documentário. O lançamento será no cine Roxy, na Baixada Santista que terá também sessões com entradas gratuitas.

Nesse documentário vocês falarão sobre a vida marinha da região ?

Daremos prioridade em geral à quantidade de vida e na abundância da região, mostrando a beleza através das imagens captadas, mas, não entraremos em detalhes científicos, mesmo porque, o documentário não terá esse enfoque.

Quais são as dificuldades na realização desse projeto ?
Como qualquer produção no Brasil, as dificuldades acabam sendo financeiras. Apesar de conseguirmos aprovar o projeto através da Lei de Incentivo a Cultura Estadual, com descontos no ICMS para a Empresa patrocinadora, não conseguimos ainda, uma empresa para bancar o projeto e infelizmente não dispomos de verbas próprias para dar continuidade ao projeto.

Apesar do incentivo do ICMS, é complicado buscar uma empresa que compre a idéia do projeto ?
Patrocínio é sempre difícil de conseguir. Escutamos falar que através do ICMS seria mais fácil, mas, até agora estamos buscando esse patrocínio.

Que benefícios a empresa que venha patrocinar esse projeto acaba ganhando ?
Além do desconto no ICMS a pagar ao Governo, o próprio marketing cultural, propaganda.

Estamos disponibilizando espaço de 30 segundos na abertura do DVD, para a promoção do patrocinador e espaço para o logo deste na capa do DVD. Há também, cotas do DVD, alguns livros que também foram conseguidos através de Lei de Incentivo Federal, espaço no hall do Cine Roxy para divulgação no dia da estréia, espaço nos folders, banners, cartões e no site do Laje Viva, hotsite, etc.

Essa exposição do patrocinador será em que áreas ?
Todas ligadas ao meio ambiente e cultura na Baixada Santista e na capital de São Paulo. Temos a intenção também de negociar com canais de TV´s e a cabo, a exibição das imagens.

Teria uma idéia de quantas pessoas estão relacionadas no desenvolvimento desse documentário ?
Só produzindo mesmo para sabermos, mas, estamos dando oportunidade de trabalho para a produção na Baixada Santista, praticamente toda a equipe realizadora é de lá, queremos movimentar a região e envolver a comunidade local com o nosso projeto.

Soube que a Raquel Pellegrini da universidade UNIMONTE de Santos está atuando nesse projeto. Qual a participação dela no projeto ?
Ela é a diretora do documentário, tendo em vista a especialização dela em documentários. Ela é coordenadora da faculdade UNIMONTE nos cursos de audiovisual, Rádio e TV, além de professora em várias matérias.

Convidamos ela, após assistir diversos documentários sob sua direção, como os documentários “Tamboréu Genuinamente Santista” e “Cesário Bastos”. Ficamos encantados com sua arte, e acredite, todos que assistem o Tamboréu, acabam tendo a vontade de sair jogando, logo, desejamos isso para o nosso documentário, que as pessoas que assistirem, saiam da exibição com vontade de preservar, ajudar, a amar a Laje de Santos assim como todos nós frequentadores da Laje. Escolhemos a equipe a dedo. Ninguém da equipe mergulha e queremos que haja o impacto do que é mergulhar pela primeira vez admirando a beleza da Laje de Santos.

Quanto tempo você acredita que este projeto levará para ser finalizado e exposto ao público ?
A partir da entrada da verba, 5 meses. Este é o prazo dado à Secretaria do Estado da Cultura para a finalização do documentário.

No futuro vocês cogitam realizar outros projetos do mesmo tipo focando em outras áreas sob conservação ?
Sempre, pois não paramos de ter idéias e de prestigiar qualquer ambiente que demande cuidados e que necessite de nossa luta pela preservação

Quem desejar colaborar para o projeto ou até mesmo patrociná-lo em troca do incentivo fiscal, como poderá entrar em contato com vocês ?
Através do site do Instituto Laje Viva, no fale conosco, ou pelos telefones: (11) 98196-3375 ou 5081-4800.

Redação

Se você possui mais informações sobre o assunto acima, entre em contato com a nossa equipe e ajude a tornar este site ainda mais completo. Isso ajudará os mergulhadores e todos aqueles que estiverem buscando por mais informações.