Há tempos vemos diversos exemplos de navios que poderiam se transformar em excelentes naufrágios, sendo literalmente jogados no lixo.

É o caso de alguns navios da Marinha do Brasil, que tiveram longa atuação histórica em nossos mares e que poderiam se tornar belíssimos naufrágios, movimentar o turismo no país e criar novos empregos.

Infelizmente eles estão sendo vendidos como sucata ou desmontados e jogados fora.

O uso desses bens em áreas previamente estudadas e planejadas poderia contribuir na criação de recifes artificiais e dificultar a pesca predatória em nossa costa, protegendo ainda mais a fauna marinha.

Esta semana temos dois bons exemplos do descaso de nossas autoridades, onde demonstra a total falta de interesse em nossos mares, descartando por exemplo, o Navio Porta-Aviões São Paulo, que possui 265m de comprimento.

O navio parou de ser usado há alguns anos e necessitava de uma grande reforma para voltar a navegar, porém, ficaria tão caro, que valeria o custo.

Se não for um naufrágio, porque não transformá-lo em navio museu como o Intrepid em Nova York ?

Ainda esta semana, o avião Boeing KC-137 707 da presidência, conhecido pelo apelido de “Sucatão”, nome recebido em razão do tempo de uso, também passou por um processo de leilão, onde nenhum lance foi dado e recebeu um fim agoniante… foi totalmente destroçado por uma máquina retroescavadeira.

Um vídeo publicado recentemente na Internet está causando a indignação de muitas pessoas, pois mostra o avião sendo desmanchado em um aeroporto e que poderia ter se transformado em um excelente novo ponto de mergulho.

Vídeo

É desta forma que a história dá aviação brasileira é preservada! Destruição do lendário Boeing 707 da FAB o KC-137 / FAB-2402 chega ao fim. Ridículo!!! Sem mais….

Posted by SBFZ Spotting – Aeroporto de Fortaleza on Tuesday, February 14, 2017

Redação
Se você possui mais informações sobre o assunto acima, entre em contato com a nossa equipe e ajude a tornar este site ainda mais completo. Isso ajudará os mergulhadores e todos aqueles que estiverem buscando mais dados.