Tesouros do Cerrado

Quem anda pelas estradas da região de Bonito, mesmo sendo um observador atento, jamais imagina o que a mata densa do cerrado esconde dos olhos de quem passa ao largo. São verdadeiras jóias da natureza !

Rios de águas totalmente cristalinas, povoados de uma variedade enorme de vida. Em alguns deles são encontradas mais de quarenta espécies de peixes e inúmeras são as espécies de plantas que compõe a paisagem sub aquática. Outros, formam cachoeiras belíssimas, que pela grande quantidade de calcário dissolvido em suas águas e sua consequente deposição sobre rochas, troncos e folhas, conferem à cachoeira um aspecto muito peculiar e interessante.

Como se não bastasse toda a beleza dos rios, ainda existem as cavernas. Estas, foram formadas há milhões de anos na rocha calcária. Algumas são inundadas, total ou parcialmente, acrescentando ainda mais beleza aos interiores ricamente decorados.

Formações de espeleotemas como estalactites, cortinas, estalagmites e muitas outras, conferem a estes lugares o aspecto de verdadeiros santuários, são como catedrais góticas, que parecem ter servido de inspiração ao mais famoso arquiteto espanhol, Gaudi.

As características geológicas e climáticas da região, são sem dúvida o fator contribuinte mais importante para a manutenção deste cenário.

A rocha calcária, da qual é formada quase toda a Serra da Bodoquena, permeia por seu interior num complexo sistema hídrico, toda a água captada das chuvas, o que faz dissolver muito deste mineral nestes rios subterrâneos. Este excelente “sistema de tratamento” natural é o que mantêm os rios sempre muito limpos.

Bonito firmou-se no cenário nacional como um dos melhores destinos de ecoturismo do Brasil, não só por sua beleza mas também por sua organização e qualidade de serviços. Entre as principais atividades feitas pelos visitantes destacam-se: os passeios de flutuação (snorkeling), as trilhas passando pelas cachoeiras, passeio de bote nos rios e o mergulho autônomo que pode ser feito nos rios, lagos e cavernas.

O cuidado com a natureza e a consciência de preservação se reflete na atitude de todos os envolvidos com atividades turísticas na região. Desde o acompanhamento obrigatório de Guias de Turismo, até a execução de Planos de Manejo e Estudos de Impacto Ambiental, percebe-se o comprometimento de toda uma comunidade com a guarda e conservação destas jóias do cerrado, que são verdadeiros tesouros para futuras gerações.

Ismael Escote
Atuou como instrutor de mergulho em caverna durante longo tempo na cidade de Bonito-MS. Possui formação como Instrutor Trimix pela IANTD e Instrutor Tek Trimix pela PDIC. Atualmente encontra-se em Fernando de Noronha atuando na operadora Atlantis Divers.