Victory 8B

Foto: Julio Yaber

Data: 03/07/2003

GPS: 20º 41,376′ S / 40º 23,399′ W

Localização: 6 milhas da costa de Guarapari

Profundidade (m): 34

Visibilidade (m): 5 – 20

Motivo: Recife Artificial

Estado: Inteiro

Carga: Vazio

Tipo: Cargueiro / Haute Mer Class III

Nacionalidade: Grécia

Dimensões (m): 89,77 / 13,60

Deslocamento (t): 4.148

Armador: Governo do Estado do Espírito Santo

Estaleiro: Dania Shiping / Association Kobenhavn

Propulsão: 1 motor principal burmeistre & wain alpha diesel / tipo 18 cilindros em “V” com 2610 HP AT 800 / 265 RPM

Classificação: Bureau Veritas 1 / 3 / 3

Tripulação: Capitão / 4 Oficiais / 2 Engenheiros / 3 Chefes / 1 Operador de rádio / 1 Cozinheiro e 10 Marinheiros

Fabricação: 1975 / Bussumer Werft, Bussum Yard nº 252

Notas

O navio foi doado ao Governo do Estado do Espírito Santo, pela alfândega do Porto de Vitória, órgão da Secretaria da Fazenda, após ter sido decretado o seu perdimento pela Justiça.

A ação está sendo empreendida pela Secretaria Estadual do Meio Ambiente (SEAMA-ES) e pela Secretaria Estadual de Turismo (SETUR-ES), ficando encarregada da execução do projeto a Fundação Cleanup Day.

Assinaram o Termo de Cooperação para o 1º Lançamento Programado de um Navio na América Latina: Domingos Sávio P. Martins (Secretário Estadual do Meio Ambiente), Andréia Maria da Silva Rocha (Promotora de Justiça e Repr. do Ministério Público Estadual), Roberto Oliveira P. de Almeida (Capitão dos Portos do Espírito Santo), Luzia Alves Toledo ( Secretária de Turismo do Estado do Espírito Santo), Dr. Fábio Nunes Falce (Diretor Presidente da CODESA) e Jorge Luiz Lemos (Diretor Presidente da Fundação Cleanup Day).

Vantagens e Benefícios

O Projeto traz vários benefícios tanto ao litoral quanto ao próprio Estado do Espírito Santo. Veja abaixo:

Benefícios Econômicos

  • Aproveitamento das potencialidades do Espírito Santo;
  • Autonomia econômica ao parque;
  • Abertura de novas áreas de trabalho, como oceanografia e biologia marinha;
  • Desenv. das atividades econômicas, como turismo, pesca e comércio;
  • Oportunidade para novos negócios;
  • Promover o comércio e prestação de serviços altamente competitivos;
  • Destacar o Espírito Santo em âmbito nacional e internacional.

Benefícios Sociais

  • Estudos científicos: participação de instituições educacionais;
  • Gerar empregos;
  • Incentivar e educar a sociedade para prática de preservação ambiental;
  • Novas opções de lazer;
  • Ambiente mais saudável;
  • Melhoria do bem-estar e qualidade de vida.

Benefícios Ambientais

  • Enriquecimento da fauna e flora marinha da região;
  • Equilíbrio e sustentação do meio ambiente;
  • Diminuir a pressão nos recifes existentes;
  • Converter um perigo ambiental em recife artificial;
  • Centro de reprodução das espécies;
  • Recuperar e aumentar a biodiversidade marinha.

Após 3 anos de intensos trabalhos e pesquisas, finalmente no dia 03/07/2003, às 11:45h, foi concluída as 11h45, toda operação de afundamento controlado do navio Victory 8B, ficando situado entre as ilhas Rasas e Escalvadas, a 12 quilômetros do litoral de Guarapari.

O local escolhido foi previamente estudado pelo Governo do Estado, por intermédio da Secretária de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (SEAMA). A operação foi considerada um sucesso pelo Governo e a Fundação Cleanup Day, que coordenou os trabalhos.

O trabalho de afundamento controlado da embarcação, realizado com a abertura simultânea das válvulas foi autorizado às 9 horas pelo secretário Fernando Schettino, durante uma pequena solenidade ocorrida no Centro de Guarapari.

Operação

Toda operação para o afundamento do Victory 8B iniciou às 2h da tarde de quarta-feira, dia 2, com a retirada da embarcação do porto, onde estava ancorada. Para evitar risco de acidentes, o navio foi deslocado até Guarapari em baixa velocidade. O apoio foi feito com quatro rebocadores e uma embarcação de combate à poluição cedida pela Petrobrás. A viagem de percurso até as ilhas durou cerca de 12 horas.

Projetos

A partir de agora, o Seama inicia a implantação do projeto de Recifes Artificiais Marinhos (RAM), tendo como base o novo naufrágio como ponto de atração para a conservação e preservação do local, além de ajudar no aumento de vida marinha, sendo um novo e grande habitat.

Documentos:

Planta do Naufrágio PDF150Kb

Imagens:

 

Vídeos:

Redação

Se você possui mais informações sobre o assunto acima, entre em contato com a nossa equipe e ajude a tornar este site ainda mais completo. Isso ajudará os mergulhadores e todos aqueles que estiverem buscando por mais informações.