Visitando a Tek Dive USA 2018

Foto: Tek Dive USA

O Tek Dive USA 2018 iniciou numa sexta-feira com churrasco de confraternização. O hotel onde oxorreu o evento, é super bem localizado na International Drive, e o espaço ótimo para o tamanho do evento.

Diversas palestras e workshops aconteceram durante o evento. Todas de altíssimo nível.

Por ser um evento voltado para o mergulho técnico, contou com a presença da “Old School” do Mergulho, com muitas pessoas que fizeram (e ainda fazem) história.

Ficou a impressão de um evento com um publico bastante experiente em sua maioria. Em todos os stands que visitei, percebi que as questões levantadas pelos mergulhadores aos expositores e fabricantes, era em sua maioria, questões complexas, proporcionando muito conhecimento e informações importantes sendo trocadas.

Na parte de equipamentos, os fabricantes trouxeram novidades, sendo algumas delas já vistas no último DEMA 2017, e me chamou a atenção a forte presença dos Rebreathers, que vem ganhando espaço e confiabilidade no mercado.

Alguns destinos também participaram do evento, divulgando suas atividades voltadas para o mergulho técnico.

Outro aspecto que também me chamou atenção foram alguns itens “Hi Tech” como um sistema que permite ao mergulhador enxergar em águas turvas com visibilidade zero, através de um visor acoplado, e que transmite imagens em tempo real no campo de visão do mergulhador, o qu para o mergulho comercial é um grande avanço.

O conceito “cloud” também chegou aurgiu durante o evento. A canadense Shearwater possibilita através de um aplicativo armazenar as informações de log do computador de mergulho na nuvem.

A DiveSoft apresentou novas funções da sua última atualização nos computadores Freedom.

Já a light Monkey demonstrou um colete térmico semelhante ao da Santi, muito interessante também.

As roupas secas também foram destaque, com demonstrações dos fabricantes Scubaforce, a DUI e a Waterproof.

A Dive Rite, Apeks e Halcyon foram alguns dos fabricantes que também marcaram presença forte no evento.

As certificadoras estiveram presentes e divulgaram suas novidades relacionadas a manuais pedagógicos e programas de treinamento.

Os brasileiros também marcaram presença

Conversei com algumas pessoas no final do evento e todos tiveram a impressão que o resultado do evento foi positivo, possibilitando troca de ideias, conceitos, negócios, além da possibilidade de rever novos e velhos amigos.

Imagens do Evento

Maurício Dias
Formado em Educação Física, cursa Mestrado em Educação com ênfase na formação de Docentes. Atualmente é instrutor de mergulho pela IANTD e PADI desde 2004, atuando na Scuba Point, em São Paulo.