Computadores de mergulho Suunto – Sinônimo de garantia, segurança e qualidade

Quando vamos mergulhar, desejamos ter o que há de melhor em equipamentos de mergulho, para que tenhamos o máximo em segurança e tranquilidade.

Um dos equipamentos mais importantes dos praticantes do mergulho, é sem dúvida, o computador de mergulho, o qual realiza todos os cálculos necessários para que tenhamos um mergulho mais tranquilo e seguro.

Por se tratar de um equipamento eletrônico, o computador de mergulho é um dos itens em que o mergulhador deve dar a maior atenção e não pensar em economias, pois lembre-se que ele será o responsável pelo monitoramento de todo o seu mergulho.

Funções disponíveis ao mergulhador, modelo de tabela descompressiva utilizada e qualidade do material empregado na construção, fazem a diferença entre os computadores de mergulho, e devemos dar uma atenção especial na hora da compra de desse produto.

Procure adquirir um computador de marca reconhecida pelo mercado. Atualmente encontramos diversos modelos de computadores de mergulho, onde simplesmente algumas marcas fazem a aquisição desses equipamentos e colocam sua logomarca no produto, realizando a comercialização deles, como se fosse de fabricação própria, o que não procede. Você compra um produto acreditando ser de uma determinada marca, mas na verdade, é um produto fabricado na China por uma empresa de nome desconhecido, e sabe lá qual é a qualidade  do material empregado e da montagem.

Um produto que é fabricado e comercializado pela própria marca, usando componentes de alta qualidade e com montagem realizada por mão de obra altamente qualificada, constroem uma grande marca.

Hoje temos no mercado brasileiro os computadores da Suunto, que sem dúvida, é sinônimo de garantia, qualidade, e principalmente, segurança.

Além disso, é preciso ter a garantia de que o produto não irá lhe deixar na mão.

Imagine você viajar até Palau, do outro lado do mundo, e ao chegar por lá, você descobre que seu computador não suportou a longa viagem… pior… você viaja até Truk Lagoon pra fazer mergulhos técnicos nos maravilhosos naufrágios, e descobre que está sem computador ?

Já tive a insatisfação de ter um computador apresentando resultados incorretos durante uma parada descompressiva de 20min, e é nesse momento que vêm à cabeça a frase “porque fui comprar isso ?”.

DeviceTec
DeviceTec

Outro aspecto, é quanto à manutenção no Brasil. Atualmente encontramos em São Paulo, a empresa DeviceTec, oficina especializada e oficial da Suunto no Brasil, dirigida por um dos técnicos mais reconhecidos do mercado, e que emprega equipamentos especializados na manutenção dos relógios e computadores da Suunto, dando garantia total nos serviços.

Hoje a Suunto possui uma gama de computadores de mergulho que atende aos mergulhadores recreacionais, técnicos, e até ao pessoal do rebreather, com o computador DX recém lançado, atendendo todas as demandas.

Comprando no Brasil, além da nota fiscal, você tem a garantia de 2 (dois) anos e acesso a oficina oficial especializada.

Agora, se depois de todo esse texto você questionar se o produto vale mesmo à pena, eu respondo com outra pergunta…

Que computador você usaria em seus mergulhos ?

Um montado em linha de produção em massa na China com funções básicas, ou um computador de mergulho montado manualmente na Finlândia, com rigoroso processo de qualidade, com muito mais funções, nota fiscal e ainda, com a garantia de dois anos e manutenção no Brasil ?

Computador com LCD trincado após o mergulho.
Computador de outra marca com LCD trincado após o mergulho – Foto: Clécio Mayrink

Sem dúvidas, a Suunto se destaca nesse quesito e não é à toa que é a marca mais vendida no mundo.

Eu não quero ter dores de cabeça e já tenho o meu D9Tx e um HelO2 que atendem perfeitamente em meus mergulhos recreacionais e técnicos, e cansei e apanhar usando coisa que promete mais do que realmente faz.

Clecio Mayrink
Nascido no Rio de Janeiro, ingressou no mergulho em 1987 pela CMAS e realizou Dive Master em 1990 pela PADI. Hoje é mergulhador Técnico Trimix (Mergulho Profundo) e de cavernas (Technical Cave Diver e Advanced Cave Side Mount / No Mount). É juiz internacional de apneia pela AIDA e foi membro da expedição de mapeamento da Lagoa Misteriosa em Bonito-MS em 2008. Produziu documentários sobre as Bahamas, Bonaire, Galápagos e Laje de Santos, visitando mais de 30 países. Foi o idealizador do site Brasil Mergulho criado em 1998 (MTB 0081769/SP), atuou como consultor para a ONU, UNESCO, além de diversos órgãos públicos no Brasil.