Mergulho e Cultura no México

Foto: Erika Beux

Em época de crise e dólar alto, ter uma opção para viajar ao exterior sem gastar muito, dá uma animada para programar as próximas férias.

Playa Del Carmen é um excelente lugar para unir o útil ao agradável.  O México por si só é um país cheio de contrastes, de histórias e sensações, de templos maias, praias exuberantes e mergulhos excelentes.

Mas por que Playa Del Carmen ?

Playa Del Carmen fica a 55km do aeroporto de Cancún e é mais simples, mais tranquila, os preços costumam ser mais modestos e oferece os mesmos destinos de passeios que Cancún, que é referência para muitos pacotes de agências de turismo, cruzeiros, lua de mel, e por estes motivos, os preços de hospedagem quanto de passeios, podem ser mais altos.

Se você não tem a necessidade de ficar em resorts com all inclusive, mas também não quer ficar em hostel, Playa Del Carmen tem várias opções de hotéis bem localizados (próximos à Quinta Avenida), com boa qualificação nos sites de reservas e com custos que variam entre R$ 130 a 180 reais a diária com café-da-manhã para 2 pessoas.

A Quinta Avenida é a rua mais charmosa e badalada de Playa Del Carmen. Lá você encontra restaurantes e lanchonetes de todos os estilos gastronômicos, lojinhas de artesanatos à grifes de moda, casas de câmbio, agências de turismo e nas ruas perpendiculares, encontramos algumas operadoras de mergulho, hotéis, mais alguns restaurantes e lojas bacanas para conhecer.

Ainda com relação à localização, se ficar hospedado em Playa Del Carmen facilita muito os deslocamentos para Cozumel, pois o ferry boat que faz o traslado para a ilha fica muito próximo à Quinta Avenida e custa US$ 10.50 por pessoa. Os mergulhos em Cozumel podem ser feitos nos piers de Dive Resorts (o cilindro custa em torno de US$ 6) ou embarcados em lanchas rápidas com operadoras da própria ilha (saída com 2 cilindros custa entre 70 a 90 dólares dependendo da quantidade de pessoas e se você for bom negociador).

Além disso, Em Playa é possível pegar uma van (chamadas de “colectivo”) para Tulum e mergulhar nos fantásticos Cenotes da região. Cenotes, para quem nunca ouviu falar, são buracos no meio das rochas, por onde passam rios subterrâneos e dependendo a profundidade, pode-se encontrar água doce e/ou água salgada. Existem dezenas de cenotes diferentes para todos os tipos de certificação de mergulho, porém recomendo que procure uma operadora séria com guias certificados. Um pacote de 4 dias (2 cilindros por dia) em cenotes diferentes custa US$ 560 por pessoa – inclui transfer de Tulum aos cenotes, lanche e água. Alguns cenotes ficam em áreas privadas e há cobrança de taxa extra na entrada, mas não é nada absurdo.

As ruínas maias de Tulum estão entre as ruinas mais pitorescas e misteriosas da Península de Yucatán. Vale a pena dedicar um tempo para conhecer e tomar banho na praia do sítio arqueológico. A dica é ir bem cedo, logo que abre o parque para evitar o tumulto de pessoas que chegam com os ônibus de excursão. O parque abre diariamente e cobra uma pequena taxa para entrar. Não esqueça de levar protetor solar e chapéu, pois quase não há áreas de sombra para se proteger do sol.

Para quem não curte entrar em buraco, tem a opção de comprar um passeio para Isla Mujeres e nadar com os tubarões baleias e raias mantas (melhor época é de maio a setembro), pois os animais estão na costa do México para se alimentarem de plâncton.

Alguns dias há mais de 200 tubarões baleia nas redondezas de Isla Mujeres e o passeio custa em torno de US$ 125 por pessoa com lanche, almoço, bebidas, transfer e equipamento de mergulho (colete salva vidas, máscara, snorkel e nadadeira). Qualquer pessoa pode fazer este tipo de passeio, inclusive crianças, pois não exige certificação de mergulho.

Outras opções de passeios para quem leva toda a família são os parques aquáticos como XCaret US$ 89 por pessoa e Xel-Há (US$ 174 por pessoa), as ruínas Maias em Chichen Itzá (USD 40) e o parque de aventuras Xplor (US$ 100 por pessoa).

Esses valores são os padrões anunciados nos sites, mas em todos os passeios conseguimos descontos com uma boa conversa e principalmente quando se vai em grupo e paga-se em dinheiro. Alguns passeios tiveram desconto entre US$ 20/25 dólares por pessoa, o que é bastante coisa e já paga uma boa refeição.

Dicas

Tenha sempre repelente e protetor solar na bolsa.

Para Chichen Itzá leve água, pois a agência costuma dar 1 garrafa de 500ml por pessoa, mas se o dia estiver quente, abafado e com sol, você irá precisar de mais água e não tem lugar próximo para comprar.

Todos os lugares você tem que dar gorjeta (eles chamam de “propina”), por isso em qualquer lugar que for jantar ou conhecer, tenha sempre moedas ou dinheiro trocado para colaborar.

Quem leva

Ferry boat de Playa Del Carmen para Cozumel
ultramarferry.com

Mergulhos em Cozumel
scubamau.com
diveparadise.com

Mergulhos nos Cenotes de Tulum
xibalbadivecenter.com

Snorkel com Tubarão baleia e outros passeios citados no texto
alvarotours.com
solatinotours.com

OBS: algumas fotos subaquáticas são de 2013 quando meu equipamento era precário, por isso a qualidade deixou a desejar.

Erika Beux

Nascida em Caxias do Sul-RS, mergulha desde 2011 e possui certificação Divemaster e Sidemount. Criada desde pequena cercada por fotógrafos, tornou-se fotógrafa subaquática ainda em 2011 e suas fotos foram publicadas em livros, jornais e revistas, inclusive na National Geographic Brasil. Bancária de profissão, graduada em Processos Gerenciais, atualmente estuda Ciências Biológicas. Mergulhou em diversos lugares do Brasil e alguns países como Belize, Bonaire, Bahamas, Costa Rica, México e Flórida.