Reserva do Arvoredo

A Reserva Marinha do Arvoredo foi criada através do Decreto Federal n.º 99.142/1990, e é formada pelas Ilhas do Arvoredo, Galé, Deserta e Calhau de São de São Pedro, possuindo 17.800 ha, e atualmente, o mergulho na reserva do Arvoredo encontra-se proibido e a área é de competência administrativa do IBAMA/SC, e qualquer atividade de visitação no local, somente poderá ser realizada com autorização do citado órgão ambiental federal.

As reservas biológicas são áreas que possuem espécies da flora ou fauna de relevante significado científico e não devem sofrer perturbações por atividades humanas.

A reserva constitui-se um importante sítio arqueológico, histórico e ecológico. Sambaquis e Itacoatiaras (inscrições rupestres) com desenhos de figuras humanas e até antigos sepultamentos, são vestígios da ocupação humana de 2.000 a 4.000 anos atrás.

A presença da Marinha, com um farol inglês datado de 1883, é um importante ponto de referência para embarcações.

As águas da reserva também guardam a história de naufrágios, como o corrido em 1958, com o cargueiro Lily, na ilha da Galé. Devido ao encontro das correntes do Brasil e das Malvinas, a reserva está situada em uma região de grande biodiversidade marinha. A área é um pólo de criação e diversão de espécies de interesse econômico como: peixes, moluscos, crustáceos, dentre outros.

Na ilha Deserta eventualmente ocorre a reprodução dos trinta-réis, constituindo-se num dos poucos locais do litoral brasileiro onde estas aves se reproduzem. A ilha do Arvoredo é recoberta pela Mata Atlântica, abrigando uma grande biodiversidade de flora e fauna terrestres.

A conservação deste ecossistema é importante para a manutenção da biodiversidade do litoral catarinense, com implicações sociais e econômicas diretas para toda a região adjacente a reserva.

A área do entorno a reserva é constituída por grandes centros turísticos do litoral de Santa Catarina (Florianópolis, Bombinhas, Porto Belo e Itapema).

Redação
Se você possui mais informações sobre o assunto acima, entre em contato com a nossa equipe e ajude a tornar este site ainda mais completo. Isso ajudará os mergulhadores e todos aqueles que estiverem buscando por mais informações.