Como quase 100% dos mergulhadores utilizam roupas de mergulho, frequentemente enfrentam um problema ao retornar do mergulho: equipamentos molhados no porta-malas.

Quem aqui nunca abriu o porta-malas e encontrou o tapete molhado ?

O grande problema, é a ação da água salgada que pode adentrar pelo veículo, contribuindo na degradação do mesmo, pois a corrosão com água salgada normalmente é bem evasiva.

Bolsa-Plastica-Roupa1

O que normalmente contribui para esse tipo de coisa, são nossas roupas de mergulho, que ainda molhadas e devidamente guardadas nas bolsas, continuam deixando a água escorrer por muito tempo.

A ideia de uma capa para a roupa, surgiu literalmente após a aquisição de algumas roupas de cama que minha mulher havia comprado, e normalmente são comercializadas com uma capa plástica transparente para proteger a roupa de cama.

Ia jogar essas capas no lixo, quando surgiu a ideia de guardar uma delas e fazer um teste.

Após um belo dia de mergulho, retirei a roupa e a coloquei na bolsa de mergulho. Ao chegar em meu veículo para guardar os equipamentos no porta-malas, coloquei a roupa ainda molhada no interior dessa capa plástica, a guardei novamente na bolsa de mergulho.

O resultado foi satisfatório, pois a capa reteve toda a água que ainda saía da roupa de mergulho durante o regresso à minha residência, não permitindo que molhasse e porta-malas.

Atualmente coloco a roupa ainda molhada dentro da capa e depois na bolsa de mergulho. A bolsa por si, não fica molhada e já chega praticamente seca no momento de colocá-la no porta-malas.

Mas onde consigo uma ?

Exemplo de um porta-malas com sinais de ferrugem devido ao vazamento de água salgada da bolsa de mergulho.
Exemplo de um porta-malas com sinais de ferrugem devido ao vazamento de água salgada da bolsa de mergulho.

Simples, vá até uma casa de lençóis e converse com a vendedora. Normalmente eles acabam tendo essas capas de sobra.

Essa é uma dica simples, fácil e sem custos…

Se você possui alguma outra dica, entre em contato conosco para que possamos repassar sua dica aos demais mergulhadores.

Por:

Clecio Mayrink
Editor - Brasil Mergulho

Nascido no Rio de Janeiro, ingressou no mergulho em apneia em 1983 e autônomo em 1986, participando da primeira turma de Dive Master da PADI no Rio de Janeiro em 1990. É mergulhador Técnico Trimix, Technical Cave Diver, Advanced Cave Sidemount / No Mount, possuindo mais de 30 anos de experiência em mergulho e fotografia / vídeo subaquático.

Foi membro da expedição de mapeamento da Lagoa Misteriosa em Bonito-MS, em 2008, é o idealizador do site Brasil Mergulho em 1998 (MTB 0081769/SP) e atuou em diversas matérias e documentários no Brasil e no exterior, sendo uma referência quando o assunto é mergulho e naufrágios para a mídia e órgãos públicos no país, e diversas entidades internacionais como a ONU e UNESCO.