Cavo Artemidi – O gigante do litoral brasileiro

Todo mergulhador sonha em visitar um grande naufrágio, com boa visibilidade, água quente e muita vida marinha, e um local com essas condições no Brasil, é o mergulho no Cavo Artemidi.

Em 25/09/1980 o navio Cavo Artemidi, um cargueiro grego com 160m de comprimento, deixou o porto de Vitória com destino a Rotterdam, levando como carga, Ferro Gusa de uma mineradora mineira, que por coincidência, a proprietária desta mineradora informações.

Durante a saída da Baía de Todos os Santos e sem reboque, o Cavo Artemidi foi arrastado pela forte corrente do local, batendo no Banco da Panela, o que fez com que o navio perdesse o controle do leme, acarretando um encalhe no Banco de Santo Antônio, onde se encontra até hoje.

naufragio-cavo-artemidi1

Durante uma semana, equipes de resgate tentaram desencalhar o navio, que acabou sendo declarado perdido.

O Cavo Artemidi foi construído em 1959 com o nome de Betty, para a empresa armadora Grega Lydy Naviera.

No começo dos anos 80 foram realizados trabalhos de salvatagem de alguns itens e da carga do navio.

Já tendo sofrido bastante com as tentativas de salvatagem e com a forte corrente local, o Cavo Artemidi já mostra sinais de cansaço e já se encontra bastante desfigurado de sua forma original.

Sua proa, coberta pela areia, já não atrai tanto a atenção dos mergulhadores. Na popa ainda existem muitas estruturas que impressionam os visitantes.

Saindo da popa até o primeiro porão, há uma infinidade de peças e estruturas e muita vida marinha. A visibilidade é boa, permitindo que se tenha uma boa dimensão do navio. Ainda existem pontos de penetração que leva os mergulhadores aos compartimentos internos, como a sala de máquinas, que ainda parece aguardar a chegada da tripulação para acioná-la. A maioria dos equipamentos continua em seu devido lugar, trazendo mais emoção ao mergulho.

naufragio-cavo-artemidi2

Já há algum tempo, mergulhadores de Salvador observam algumas falhas estruturais no naufrágio, sinal claro que as penetrações estão bastante arriscadas.

A mesma corrente que vitimou o Cavo, cobra uma dose extra de atenção de seus visitantes. É preciso procurar uma boa operadora de mergulho local para que você realize o mergulho com toda segurança.

O Cavo Artemidi encontra-se entre os 10 e 30m de profundidade, fazendo deste um ponto de mergulho, um local acessível a praticamente todos os mergulhadores, contudo, devido as suas grandes dimensões, quem aproveita mais os mergulhos são os mergulhadores técnicos que, com cilindros duplos e stages ou com rebreathers, realizam mergulhos de longa duração e com um aproveitamento maior deste enorme cargueiro.

Absoluto por muitos anos, o Cavo Artemidi teve seu reinado ameaçado pelo afundamento e descoberta do CT Paraíba no Rio de Janeiro, um navio militar com 126m de comprimento, ainda inteiro, e que faz a alegria dos mergulhadores técnicos.

naufragio-cavo-artemidi3

O Cavo Artemidi é 34m maior que o segundo colocado (o tamanho do rebocador como o Lupus de Recife) e com profundidades mais acessíveis, mantendo ainda o título de maior naufrágio na costa brasileira.

Por:

Clecio Mayrink
Editor - Brasil Mergulho

Nascido no Rio de Janeiro, ingressou no mergulho em apneia em 1983 e autônomo em 1986 pela CMAS, participando da primeira turma da PADI no Rio de Janeiro em 1990. É mergulhador Técnico Trimix, Technical Cave Diver, Advanced Cave Sidemount / No Mount IANTD, possuindo mais de 30 anos de experiência em mergulho, fotografia e vídeo subaquático.

Foi membro da expedição de mapeamento da Lagoa Misteriosa em Bonito-MS em 2008, sendo o idealizador do portal Brasil Mergulho criado em 1998 (MTB 0081769/SP) e responsável pelo tema Mergulho no 1° Atlas dos Esportes do Ministérios dos Esportes.

Atuou na produção de diversas matérias e documentários no Brasil e no exterior, sendo uma referência para a mídia, órgãos públicos no país e diversas entidades internacionais como a ONU e UNESCO, quando o assunto é mergulho em naufrágio.

Veja também:

Cavo Artemidi – Um mergulho pra não esquecer

Relato de mergulho no naufrágio em Salvador, na Bahia.

Cavo Artemidi

Naufrágio do navio cargueiro grego no 25/09/1980 às 2h, devido ao encalhe no Banco de Areia Santo Antônio.