Espécies novas de polvo gigante são identificadas

De acordo com pesquisas recentes de um estudante de graduação da Universidade do Pacífico do Alasca, o polvo gigante do Pacífico, que recentemente foi determinado como sendo duas espécies geneticamente separadas, também é morfologicamente diferente.

O polvo gigante do Pacífico é um cefalópode encontrado nas águas ao redor do Japão e do Alasca, e até a Califórnia, mas até recentemente, ninguém parecia notar que haviam duas espécies.

A descoberta foi feita pelo aluno Nathan Hollenbeck enquanto trabalhava em sua tese de mestrado, mas a descoberta não foi uma surpresa completa. Pesquisadores do US Geological Survey e da Universidade do Pacífico do Alasca encontraram um grupo geneticamente distinto de polvo em Prince William Sound em 2012, mas não conseguiram determinar se as duas espécies eram também morfologicamente diferentes.

Com base na pesquisa de Hollenbeck, a nova espécie tem uma característica ao longo de seu corpo, pele levantada e duas manchas brancas na cabeça.

Por:

Redação

Se você possui algum conteúdo relacionado ao mergulho e acha que pode ser interessante dividir com outros mergulhadores ?

Clique aqui para entrar em contato conosco e enviar o conteúdo a principal revista eletrônica sobre mergulho do Brasil.

Veja também:

Dezenas de polvos rastejaram para fora do mar em uma praia de Gales

Especialistas dizem que o fenômeno pode ter sido causado por tempestades recentes