Mergulho de Segurança Pública – Mergulho Policial – COE

Existem atividades de mergulho pouco conhecidas pela população em geral, ou mesmo do meio de mergulho, e uma delas é o Mergulho de Segurança Pública.

Esse tipo de mergulho é realizado por policiais, bombeiros, peritos e agentes que trabalham diretamente na área de Segurança Pública, devendo estes, possuírem treinamento de mergulho específico para seu tipo de atividade, como o resgate de afogados para bombeiros, varreduras antibombas, localização de drogas para policiais; foto sub, preservação de provas submersas para peritos, e assim por diante de acordo com sua atividade.

No Brasil já existem vários mergulhadores PSD’s (Public Safety Diver) certificados no formato americano, apesar de ainda estarmos evoluindo nesta atividade.

Símbolo do Curso de Operações Especiais do COE

COE – Comandos e Operações Especiais

O COE – Comandos e Operações Especiais da Polícia Militar do Estado de São Paulo, que juntamente com o GATE (Grupo de Ações Táticas Especiais) fazem parte do Batalhão de Operações Especiais, e foi criado em 1970 para o combate da guerrilha rural no sul do estado.

O símbolo do COE apresenta um crânio estilizado representando o raciocínio. A faca de combate significando segurança e justiça, símbolo máximo das tropas de Comandos. A representação da faca de combate cravada ao crânio simboliza a vitória da vida sobre a morte, aplicação da inteligência, raciocínio e justiça. Completam o desenho duas pistolas bucaneiras cruzadas, símbolo nacional das polícias militares.

Todo o conjunto é suportado por um paraquedas aberto significando a coragem em atividades no ápice das alturas, além de fazer referência a sua própria origem cuja primeira tropa foi formada por policiais militares oriundos da Brigada de Infantaria Paraquedista do Exército Brasileiro.

Ações

O COE participou da operação antissequestro do Avião Electra II, da Varig, em 1972, no aeroporto de Congonhas quando um terrorista tentou sequestrar o avião prefixo PP-VJN. Em uma sucessão de lances rápidos, os militares do COE cercaram a aeronave, adentraram a cabine liberando os reféns. Esta ação foi considerada uma ação de comandos pela 2ª Região Militar do Exército Brasileiro, que concedeu a esta Companhia o título de “Comandos” e COE passou a significar Comandos e Operações Especiais.

Houveram várias outras missões bem-sucedidas como a atuação nos incêndios dos edifícios Andraus e Joelma, recuperação dos corpos da banda Mamonas Assassinas na Serra do Mar, entre muitas outras.

Atualmente o COE tem como missão: “Operações Especiais de polícia em áreas de difícil acesso ou alto risco”. Sendo o mergulho uma destas especialidades.

Mergulhadores e Operações Especiais

Com um time de mergulhadores especialistas em mergulho em águas contaminadas, varreduras de cascos e docas para a localização de drogas, reflutuação de objetos e mergulho técnico usando Trimix, Caverna, Rebreather, entre outros, atua principalmente no combate ao crime organizado, atuando em missões anfíbias para infiltrações e recuperações de objetos de interesse da justiça.

Matérias abordadas no curso PSD

  • Uso de equipamentos de mergulho PSD: full face, sistemas harness, sistema de soltura rápida, bloco de chaveamento de gás redundante, cabos e fonias, cilindro principal e redundante, sistema alternativo de gás;
  • Montagem de time de mergulho e funções dos operadores;
  • Investigação subaquática e procedimentos em locais de operação de mergulho;
  • Coletas e recuperações de provas e evidências de crime em ambiente subaquático e seu correto manuseio para a persecução criminal;
  • Padrões de buscas subaquáticas;
  • Cálculos de gás de operação, consumo de gás do PSD;
  • Treinamentos de enroscos sem visibilidade e resgate de mergulhador;
  • Reflutuação de objetos e veículos, uso de lift bags e cálculo de reflutuação e gás;
  • Recuperações de corpos submersos (a partir de acidentes / suicídios / vítimas de crimes) e packing de cadáver em sistema americano;
  • Operações de busca e salvamento e aplicação da lei marítima;
  • Mergulho em águas contaminadas categorias 4 e 3, uso de full face, descontaminantes e bombas de descontaminação;
  • Criação e gerenciamento de um time PSD, nos padrões americanos FEMA (Federal Emergency Management Agency).

Diversas agências certificam PSD’s, mas dependendo da profundidade do assunto, algumas agências fazem restrições quanto aos alunos e instrutores, podendo somente frequentar os cursos policiais e bombeiros, e em alguns casos, somente policiais explosivistas, como no caso de varreduras antibombas em cascos de navios.

Para se tornar um mergulhador do COE, o policial deve possuir o Curso de Operações Especiais (“ser caveira”) e o Curso de Mergulhador de Segurança Pública – Mergulhador Policial.

O curso de PSD possui duração de duas semanas, para iniciar o curso o policial deve ser mergulhador avançado certificado. Após o curso de PSD, o mergulhador poderá fazer as especialidades de mergulho em águas contaminadas, investigação subaquática, varredura de cascos antibombas e drogas e reflutuação avançada de objetos.

Galeria de Imagens – Clique na imagem abaixo

Mergulho Policial – Fotos: Ronaldo Possato / Google Photos

Por:

Ronaldo Possato

Capitão da Polícia Militar do Estado de São Paulo - Batalhão de Operações Especiais.

Possui diversas certificações como:

  • Instructor Trainer NAPD (National Academy of Police Diving)
  • Instructor Trainer, Técnico e Cave IANTD
  • Instrutor de Public Safety Diver PADI e ERDI
  • Master Scuba Diver Trainer PADI
  • Instrutor CMAS, Instrutor EFR (Emergency First Response)
  • Instrutor Técnico Tec Rec (Trimix) & Trimix Gas Blender Instructor

Veja também:

Pescadores flagrados na Laje de Santos

Novamente pescadores são flagrados pescando dentro do Parque Estadual Marinho da Laje de Santos.

Casal recebe mais de 2 milhões com acidentes falsos

A dupla juntamente com outros sete envolvidos, contratavam seguros de vida e com documentos falsos, pediam indenizações por falsas mortes.

Caçadores usando compressor são surpreendidos pela polícia

Flagrante aconteceu na última segunda-feira e todo o material foi apreendido, além de um inquérito administrativo aberto.

Fiscalização persegue e autua pescadores fugindo da Laje de Santos

Pescadores foram autuados, tiveram seus equipamentos apreendidos e responderão por crime ambiental. Assista o vídeo.