Pesquisadores encontram três naufrágios na Grécia

Kasos está localizada entre Creta e Rodes, sendo uma importante rota comercial do Mediterrâneo com o Oriente Médio, e novas descobertas foram feitas durante uma pesquisa de outubro.

O naufrágio mais antigo foi como sendo de 2.300 anos atrás e continha várias ânforas, louças e cinco âncoras de pedra localizadas.

Outro naufrágio era do século 1aC e o outro datado entre os séculos 8 e 10dC.

O ministério também anunciou novas descobertas nos destroços históricos do Mentor, que foi a prisão de Lord Elgin, naufragando em Kythera em 1802.

Arqueólogos marinhos liderados por Dimitris Kourkoumelis mergulhando em nome do Ephorate of Underwater Antiquities da Grécia, descobriram um anel de ouro e brincos, panelas, três peças de xadrez e acessórios para navios de madeira e ferro.

As equipes de mergulho estão escavando o naufrágio Mentor nos últimos oito anos. Ele estava indo para a Grã-Bretanha carregando caixas de antiguidades retiradas por Elgin do Parthenon, Acrópole e outros monumentos atenienses quando foi pego por uma tempestade. O navio afundou aos 23m de profundidade, nas proximidades do porto de Avlemonas.

Uma operação de resgate realizada por Elgin conseguiu recuperar os mármores, que ainda são controversos no Museu Britânico.

As escavações desde 2011 revelaram instrumentos de navegação e muitos pertences da tripulação e passageiros, incluindo relógios de ouro, anéis, correntes, moedas, garrafas, botões, botões e outras peças de xadrez.

Por:

Redação

Se você possui algum conteúdo relacionado ao mergulho e acha que pode ser interessante dividir com outros mergulhadores ?

Clique aqui para entrar em contato conosco e enviar o conteúdo a principal revista eletrônica sobre mergulho do Brasil.

Veja também:

Grécia permitirá mergulho em naufrágio com mais de 2 mil anos

País é bastante restritivo com mergulhos, mas vai criar seu primeiro museu submerso em navio que afundou no século 5º AC.