Praia de Copacabana e o naufrágio desconhecido

Recentemente surgiu na web um vídeo de com uma demonstração aérea realizada na década de 60 na Praia de Copacabana, no Rio de Janeiro.

Aviões da Força Aérea Brasileira e companhias privadas como a Varig, participaram do evento realizando voos bem rasos na praia, diante das autoridades e da população que apreciava o evento.

A dica do vídeo me foi passado pelo meu irmão, e durante a exibição, fui surpreendido com imagens de uma embarcação naufragando em Copacabana !

No final do show aéreo, esquadrilhas de jatos de ataque Tweety Birds (AT-33) e caças Gloster Meteor (F-8) atacam um alvo simulado no mar, próximo à praia e em frente ao hotel Copacabana Palace, com tiros de metralhadoras e bombas de exercício

Isso acontece por volta do minuto 2:40 do vídeo, e ao que parece, temos um naufrágio artificial bem na principal praia da cidade do Rio de Janeiro, que é desconhecido até então.

Olhando as imagens, dá a impressão de que ele está aproximadamente uns 200m da praia, e infelizmente não aparece na carta náutica.

Pelo visto a Praia de Copacabana possui dois naufrágios, sendo um mergulhável, pois o outro, San Martin, agora está sob um posto de gasolina. Conheça essa história aqui.

Assista ao vídeo abaixo e veja o momento do afundamento da embarcação com os tiros:

Por:

Clecio Mayrink
Editor - Brasil Mergulho

Nascido no Rio de Janeiro, ingressou no mergulho em apneia em 1983 e autônomo em 1986 pela CMAS, participando da primeira turma da PADI no Rio de Janeiro em 1990. É mergulhador Técnico Trimix, Technical Cave Diver, Advanced Cave Sidemount / No Mount IANTD, possuindo mais de 30 anos de experiência em mergulho, fotografia e vídeo subaquático.

Foi membro da expedição de mapeamento da Lagoa Misteriosa em Bonito-MS em 2008, sendo o idealizador do portal Brasil Mergulho criado em 1998 (MTB 0081769/SP).

Atuou na produção de diversas matérias e documentários no Brasil e no exterior, sendo uma referência para a mídia, órgãos públicos no país e diversas entidades internacionais como a ONU e UNESCO, quando o assunto é mergulho em naufrágio.

Veja também:

San Martin: Um naufrágio soterrado na Praia de Copacabana

Pouco conhecido pelos cariocas, um naufrágio fez parte da história da cidade até ser completamente soterrado por um posto de combustível.