Submarino britânico encontrado 101 anos após afundamento

Usando um side scan, pesquisadores do Sea War Museum Jutland encontraram um submarino britânico que naufragou na costa norte da Dinamarca em 1918.

O naufrágio estava coberto por redes de arrasto, dificultando a identificação. Um mini ROV foi posteriormente enviado e conseguiu confirmar a identidade do naufrágio como sendo o HMS G8.

O naufrágio está a uma profundidade de cerca de 100m ao norte de Hirtshals, no Mar de Skagerrak. “O casco está muito enferrujado e há vários buracos de corrosão no casco externo e no casco de pressão. Não parece haver nenhum dano de minas ou outros explosivos”, disse Gert Normann Andersen, chefe do Sea War Museum Jutland, em um artigo publicado no CPH Post Online.

Quando foi encontrado, seus lemes de profundidade estavam apontados para a superfície, o que sugeria que o submarino estava tentando alcançar à superfície, reforçando a teoria de que o submarino poderia ter naufragado devido a um acidente ou a problemas técnicos.

O HMS G8 foi anexado à 10ª flotilha durante a Primeira Guerra Mundial, designado para procurar submarinos alemães no Mar do Norte.

Em 27 de dezembro de 1917 partiu em missão juntamente com o submarino HMS G12 e o destróier HMS Medea para patrulhar Kattegat. A bordo havia uma tripulação de 28 marinheiros. Na metade da missão, ele recebeu ordens para retornar.

No entanto, o HMS G8 não retornou como esperado em 6 de janeiro de 2018, e foi declarado oficialmente ausente no dia 14.

Por:

Redação

Se você possui algum conteúdo relacionado ao mergulho e acha que pode ser interessante dividir com outros mergulhadores ?

Clique aqui e entre em contato conosco e evie o conteúdo para a maior revista eletrônica sobre mergulho do Brasil, com acesso gratuito aos mergulhadores.