Aylestone

Apelido: Navio do Leão

Data: 08/07/1926 às 21h

GPS:

Localização: Praia do Leão – Ilha de Fernando de Noronha.

Profundidade (m): 5 -14

Visibilidade (m): 5 – 15

Motivo: Mau tempo. Entrou no setor escuro do farol da Rata.

Estado: Desmantelado

Carga: Trigo, milho, frutas, madeira, outros.

Tipo: Cargueiro

Nacionalidade: Inglaterra

Dimensões (m): 116

Deslocamento (t): 3.380

Armador: Aylestone Shipping Co. Ltd. – New Castle – Inglaterra

Estaleiro: J. Blumer & Co, Sunderland, UK

Propulsão: Triple Expansion Engine – Um hélice e duas caldeiras.

Fabricação: 06/1917

Notas:

O navio havia saído de Buenos Aires, na Argentina, e se destinava à Inglaterra.

Após a indicação de Rodrigo Coluccini mergulhador de naufrágios e diretor da revista Deco Stop, Rodrigo Gherardi, Marta Granville e Lola Fritsche da operadora Águas Claras, estiveram no naufrágio e captaram imagens do navio.

Até então acreditava-se que fosse o Aylestone. Posteriormente, Clécio Mayrink encontrou notícias em jornais antigos informando o naufrágio do Gray’s Harbour também naufragado na Praia do Leão e sob condições idênticas ao Aylestone, surgindo assim, a dúvida.

Imagens:

Redação
Se você possui mais informações sobre o assunto acima, entre em contato com a nossa equipe e ajude a tornar este site ainda mais completo. Isso ajudará os mergulhadores e todos aqueles que estiverem buscando por mais informações.