Caixa Estanque: Visor do LCD com proteção transparente

Quem utiliza caixa estanque fabricada em acrílico, como as caixas da Canon e Ikelite por exemplo, muitas vezes se preocupa com a possibilidade de ocorrer um incidente com sua caixa e acabar arranhando a tampa traseira, área por onde o mergulhador enxerga o que está fotografando.

Isso não é uma coisa difícil de acontecer, diante de tantos objetos pontiagudos e metálicos encontrados nas embarcações.

Pensando em algo que pudesse proteger essa área exposta, surgiu a ideia de usar uma proteção plástica, dessas usadas em telefone celular e ou em tablet.

Essas proteções são facilmente encontradas em lojas de acessórios para telefones e tablets, ou em camelôs, tendo um baixo custo. Nada mais que R$ 5 ou 10.

Foto: Clecio Mayrink

Aplicação na caixa

Antes de aplicar na área por onde se enxerga o LCD da câmera no interior da caixa estanque, faça uma boa limpeza do local, não deixando qualquer sujeira, areia ou poeira. Uma dica, é ligar um ventilador próximo, pois dessa forma, o vento estará jogando a poeira para longe e não deixará que ela caia no momento da colocação da proteção.

Outro ponto importante, é que normalmente essas proteções plásticas possuem duas etiquetas que identificam os passos da colocação. Elas ficam para fora da proteção, e quem for aplicá-la na caixa estanque deverá seguir corretamente a ordem. Você verá nessas etiquetas o número 1 e 2, que indicam o passo 1 e passo 2.

  • Então, tendo adquirido uma proteção plástica com o tamanho condizente com a área onde ela será aplicada, recorte a proteção para que ela cubra a área desejada;
  • Retire uma lâmina 1 da proteção plástica e posicione na área a ser aplicada;
  • Com cautela, encoste as pontas de um lado da proteção plástica no acrílico, e com o dedo, continue colocando a proteção de um lado para o outro, removendo toda e qualquer bolha de ar que venha a ficar retida;
  • É importante que a proteção esteja totalmente sem bolhas, tendo em vista que elas poderão fazer com que a proteção se solte da caixa estanque;
  • Feita a colocação da proteção, agora retire a lâmina de proteção número 2, para que a proteção plástica fique totalmente exposta.

Ao retornar de cada mergulho, jogue sempre água doce na proteção plástica, para evitar que grude resíduo e areia entre ela e a caixa estanque

Caixa já com a proteção colocada – Foto: Clecio Mayrink

Por:

Clecio Mayrink
Editor - Brasil Mergulho

Nascido no Rio de Janeiro, ingressou no mergulho em apneia em 1983 e autônomo em 1986 pela CMAS, participando da primeira turma da PADI no Rio de Janeiro em 1990. É mergulhador Técnico Trimix, Technical Cave Diver, Advanced Cave Sidemount / No Mount IANTD, possuindo mais de 30 anos de experiência em mergulho, fotografia e vídeo subaquático.

Foi membro da expedição de mapeamento da Lagoa Misteriosa em Bonito-MS em 2008, sendo o idealizador do portal Brasil Mergulho criado em 1998 (MTB 0081769/SP) e responsável pelo tema Mergulho no 1° Atlas dos Esportes do Ministérios dos Esportes.

Atuou na produção de diversas matérias e documentários no Brasil e no exterior, sendo uma referência para a mídia, órgãos públicos no país e diversas entidades internacionais como a ONU e UNESCO, quando o assunto é mergulho em naufrágio.

Veja também:

Polimento: Fim dos arranhões em equipamentos de mergulho

Com o tempo, muitos equipamentos de mergulho que utilizam acrílico acabam tendo marcas e arranhões, mas agora isso tem solução.

Teste de Caixa Estanque e Equipamentos em Câmara Hiperbárica

Utilizando uma pequena câmara hiperbárica especialmente fabricada para a finalidade, é possível testar equipamentos sem mergulhar.

Caixas Estanques Acrílicas – Manutenção ainda mais frequente

Diferentemente das caixas fabricadas em alumínio, as caixas em acrílico necessitam de manutenção mais frequente. Saiba mais...

Alça de Segurança para Caixa Estanque

Esse tipo de acessório vai facilitar a entrega do seu equipamento na água e principalmente ao retornar para a embarcação depois do mergulho. Saiba mais...