Emerson CCR O2

Os mergulhadores de combate americanos na WW II eram em 2 grupos diferentes.

As unidades de reconhecimento naval de praia, normalmente não utilizavam qualquer tipo de aparelho de respiração.

Outro grupo de mergulhadores, sob as ordens do Departamento de Serviços Estratégicos, desenvolveu e aplicou métodos avançados para verdadeiras operações subaquáticas, com mergulhadores utilizando Rebreathers. Eles usavam um Rebreather inventado pelo Dr. C. J. Lambertsen e que foi chamado de LARU (Lambertsen Amphibious Respiratory Unit).

O LARU era um equipamento de circuito fechado de oxigênio puro, para ser utilizado em operações clandestinas, onde a ausência total de bolhas era necessária.

Nas décadas de 70 e 80, os mergulhadores de combate da USN, usavam o “Emerson-Lambertsen” que na mais era do que um Rebreather de O2, derivado do LARU da WW II.

Cilindros: 12

Por:

Carlos Nelli Borges

Carlos Nelli Borges é Master Scuba Instructor pela PADI, Instrutor de Rebreather pela TDI (E.1211.I) e Instrutor Trainer Rebreather pela RAB (BR-133-02/98), possuindo mais de 1.200 mergulhos com rebreathers.

Foi representante da Dräger no Brasil entre 1997 e 2000. Atualmente atua como instrutor na África do Sul.

Veja também:

Baterias Recarregáveis: A falta de uso pode causar danos

Baterias recarregáveis não podem descarregar totalmente e devem ser recarregadas a cada três meses. Saiba os motivos.

Rio de Janeiro – Mergulho noturno na Praia Vermelha

De fácil acesso e baixa profundidade, o mergulho saindo de praia nesse local, pode render excelentes mergulhos noturnos.

Ilha Rasa e seus naufrágios – Um mistério interminável

Além do naufrágio Buenos Aires, a ilha Rasa dá o indicativo de que há outros naufrágios na região. Saiba mais sobre esse mistério.

Bauer cria sistema de filtragem ultravioleta que mata o coronavírus

O acessório permite a recarga de cilindros de mergulho com gás livre do coronavírus, aumentando a segurança do mergulhador.