Enrosco durante o mergulho – Alguns aspectos

Durante o mergulho, um dos aspectos que o mergulhador precisa estar atento é quanto à possibilidade de enrosco embaixo d’água, ou seja, evitar que algo venha a tirar a mobilidade durante o mergulho.

Esse tipo de problema é raro, mas não impossível, e o mergulhador deve estar preparado para eliminar o problema de forma rápida e com tranquilidade.

Quando um enrosco acontece, normalmente está relacionado com linha de pesca ou cabo de nylon submerso, e muitas vezes simplesmente puxá-lo não livra o mergulhador dessa situação de risco, sendo preciso utilizar algum acessório para cortar a linha ou cabo.

No passado era muito comum os mergulhadores levarem consigo uma faca de mergulho, normalmente fabricadas com lâmina de aço inox e suporte (bainha) para fixação na perna ou no colete equilibrador. Hoje esse conceito está cada vez mais em desuso no mergulho autônomo, e em alguns locais do planeta, há proibições quanto ao uso de facas de mergulho por questões ambientais, o que fez com que muitos mergulhadores deixassem de usá-las.

Como o tema envolve segurança, os mergulhadores não poderiam simplesmente deixar de usar as facas, então, surgiram pequenos acessórios cortantes e que não possuem áreas pontiagudas, o que elimina a possibilidade de acidente e transtornos durante o transporte no dia a dia.

Esses pequenos “cortadores” permitem ao mergulhador cortar linhas de pesca e cabos de nylon com facilidade. Diria até, que eles cortam muito mais rápido que as tradicionais facas de mergulho por si só.

Cortador de cabos

Quando acontece

Se você estiver nadando e repentinamente perceber que algo está lhe segurando, a primeira atitude é ter calma.

Pare, veja o que está acontecendo e analise que procedimento deve tomar para sair do problema. Ficar apavorado só irá piorar a situação e você deve manter o controle da situação.

Percebendo que o enrosco é grande e seu amigo dupla está nas proximidades, peça uma ajuda a ele, pois ele terá uma visão mais ampla da situação e conseguirá cortar e remover qualquer cabo com mais facilidade.

A pior coisa que um mergulhador pode fazer é apavorar e querer sair puxando tudo de qualquer maneira e com toda a força. Essa atitude só irá piorar ainda mais a situação, tornado a coisa muito mais difícil.

Outro ponto importante é manter um cortador em local com fácil acesso. Um bom local é o bolso da cinta central do colete equilibrador, mas nem todos os coletes possuem esse acabamento. Outra possibilidade é guardá-lo no bolso do colete. O importante é não colocar o cortador muito distante das mãos.

Quando utilizar um cortador, não tenha pressa. Utilize-o com cuidado para não acabar cortando coisas que não deveriam ser cortadas. Já vi mergulhador apavorado querendo cortar um cabo de um lift, e ele não só cortou esse cabo como quase cortou a mangueira de um mergulhador que estava muito próximo, então, a calma é à base de tudo. Lembre-se que a ação deve ser pensada e executada corretamente.

Ao sair da situação de risco, procure pegar o cabo e enrolar na mão, obviamente, se ele não estiver com anzol. Guarde no colete e depois jogue fora em alguma lixeira, pois essa atitude irá contribuir para o meio ambiente e evitará que outro mergulhador venha a passar pela mesma situação.

Por:

Clecio Mayrink
Editor - Brasil Mergulho

Nascido no Rio de Janeiro, ingressou no mergulho em apneia em 1983 e autônomo em 1986 pela CMAS, participando da primeira turma da PADI no Rio de Janeiro em 1990. É mergulhador Técnico Trimix, Technical Cave Diver, Advanced Cave Sidemount / No Mount IANTD, possuindo mais de 30 anos de experiência em mergulho, fotografia e vídeo subaquático.

Foi membro da expedição de mapeamento da Lagoa Misteriosa em Bonito-MS em 2008, sendo o idealizador do portal Brasil Mergulho criado em 1998 (MTB 0081769/SP) e responsável pelo tema Mergulho no 1° Atlas dos Esportes do Ministérios dos Esportes.

Atuou na produção de diversas matérias e documentários no Brasil e no exterior, sendo uma referência para a mídia, órgãos públicos e diversas entidades internacionais como a ONU e UNESCO, quando o assunto é naufrágio.

Veja também:

Faca para colete Problue

Novo modelo de faca sem ponta aumenta a segurança do mergulhador e pode ser facilmente fixada no colete equilibrador.

Faca Jaguar Titanium – Um corte para tudo

Um produto com lâmina fabricada em titânio, sendo um dos modelos mais resistentes do mercado.

Flashes Inon – Um cabinho de nylon cai bem

Veja uma dica simples e evitar perder o difusor do flash Inon Z-240.

Zíper com cabo de nylon – Facilitando o uso

Veja como facilitar o fechamento do zíper de seu colete.