Justiça nega indenização a vítima de acidente durante mergulho

O TJSC decidiu, por unanimidade, acatar recurso movido por uma empresa de turismo e negar indenização a um jovem de 22 anos, vítima de um acidente durante um mergulho em Bali, na Indonésia. A família diz que pagou US$ 51 mil pelo tratamento do rapaz.

Segundo familiares, o jovem teria sofrido um edema cerebral durante um mergulho em Bali. Ele foi internado, passou por dificuldades, mas sobreviveu. Durante a internação a família arcou com os custos e alega que o seguro contratado se recusou a pagar as despesas.

A empresa afirma que o contrato assinado pelo jovem não previa cobertura médica e hospitalar em casos de acidentes provenientes de esportes “radicais”. A família alega não ter tido consciência dessa cláusula contratual.

O desembargador Gerson Cherem, relator do recurso apresentado pela empresa, firmou entendimento que seguradoras não são obrigadas a indenizar todo e qualquer tipo de dano, pois isso tornaria a atividade economicamente impraticável.

“Emerge inconteste nos autos que o evento danoso ocorreu durante a vigência do contrato de seguro de viagem. Inconcusso também que a avença em tela afasta expressamente a cobertura securitária nos casos de acidentes ocorridos durante a prática de esporte radical, constando expressamente o mergulho no rol restritivo”, afirmou o magistrado.

No entendimento de Cherem, é irrelevante os pais terem conhecimento das cláusulas do contrato, visto que o mesmo foi assinado pelo jovem, que deveria ter a consciência de realizar atividades não seguradas por sua conta e risco. O desembargador também alega que a apólice do seguro havia sido encaminhada aos segurados antes do acidente, com todos os detalhes da cobertura do contrato.

Por:

Redação

Se você possui algum conteúdo relacionado ao mergulho e acha que pode ser interessante dividir com outros mergulhadores ?

Clique aqui para entrar em contato conosco e enviar o conteúdo a principal revista eletrônica sobre mergulho do Brasil.

Veja também:

Brasil Mergulho – Acesso seguro ao site com SSL

Nosso portal adotou um novo certificado digital que permite ao usuário acessar as páginas do Brasil Mergulho de forma mais segura.

GoPro lança seguro que troca até 2x sua câmera

Empresa tenta sair da "lama" oferecendo um seguro para a troca da câmera GoPro danifica e descontos em acessórios.

Estágio na DAN

Saiba como foi a experiência uma estagiária brasileira no escritório da DAN nos Estados Unidos e como funciona a empresa.

DAN – Divers Alert Network

Contrário ao que muitos pensam, a DAN não é simplesmente um seguro para mergulhadores. Saiba mais...