Mato Grosso do Sul – Informações Gerais

Foto: Wikimedia Commons

Bonito pode ser considerado hoje, o melhor mergulho em água doce do Brasil. São várias as opções para snorkeling e mergulho autônomo além de passeios por trilhas cachoeiras, cavalgadas, bote inflável, rapel e muito mais.

A cidade ainda preserva o aspecto de interior e é bastante tranquila, porém, a infraestrutura está bem desenvolvida. A rede hoteleira possui opções variadas, desde Albergue da Juventude até resorts de quatro estrelas, passando por pousadas aconchegantes e bons hotéis de excelente nível e é lógico, campings. Existe, serviço de locação veículos além de vans, ônibus e táxis, tem até salas de internet para quem quiser verificar seus e-mails entre um mergulho e outro. O Hospital dispõe de equipamentos básicos e o serviço médico é satisfatório. Vários restaurantes oferecem excelentes opções com bons preços.

Em Bonito a preservação da natureza é levada a sério, por isto existe um limite de pessoas nos atrativos, o que pode causar transtornos aos desavisados, que em alta temporada não encontrarão vagas nos principais passeios. É bom programar com antecedência. Todos os passeios são obrigatoriamente marcados por alguma agência local e acompanhados por guias.

O clima normalmente é quente, mas não se engane. A partir de junho até final de agosto, tenha sempre agasalhos na mala. Em alguns dias de julho, por exemplo, a temperatura baixa a 4ºC durante a noite e madrugada. Mesmo assim dá para fazer os passeios na água, pois o sol sempre aparece deixando a temperatura agradável durante o dia. A temperatura da água oscila entre 18 e 25ºC dependendo do lugar e da época do ano.

Com exceção dos rios e lagos, além da Lagoa Misteriosa, infelizmente o mergulho nas cavernas não é aberto. É preciso uma autorização especial do CECAV e autorização prévia dos proprietários das fazendas onde estão localizadas as cavernas. Mais informações podem ser obtidas com qualquer instrutor de mergulho em caverna de uma das operadoras cadastradas conosco.