Ilha Rasa

Contrário ao que muitos pensam, a Ilha Rasa não faz parte do Arquipélago das Cagarras. Ela é considerada um dos melhores pontos de mergulho do Rio de Janeiro, e foi marcada por diversos eventos históricos.

A ilha dispõe de um farol construído por D. João VI em 1812, atualmente administrado pela Marinha, sendo muito importante à navegação devido ao seu ponto estratégico.

Ela possui duas faces que proporcionando bons mergulhos, facilitando a operação para mergulhos para pessoas com pouca experiência, e para os mais avançados e exigentes como os mergulhadores técnicos.

Possui uma fauna bem variada, e conta com dois ótimos naufrágios, o Buenos Aires e o Galeão, sendo este segundo, não identificado e um mistério para os pesquisadores.

A profundidade varia entre 8 aos 42m, visibilidade de 2 aos 20m e temperatura da água variando entre os 15 aos 23ºC.

Por:

Redação

Se você possui algum conteúdo relacionado ao mergulho e acha que pode ser interessante dividir com outros mergulhadores ?

Clique aqui para entrar em contato conosco e enviar o conteúdo a principal revista eletrônica sobre mergulho do Brasil.

Veja também:

Ilha Rasa e seus naufrágios – Um mistério interminável

Além do naufrágio Buenos Aires, a ilha Rasa dá o indicativo de que há outros naufrágios na região. Saiba mais sobre esse mistério.

Naufrágio Buenos Aires – Um museu a céu aberto

Localizado na Ilha Rasa, Rio de Janeiro, o naufrágio Buenos Aires é bem completo, permitindo excelentes mergulhos e identificação de suas áreas e peças.

Buenos Aires é aqui e inesquecível !

Um dos naufrágios mais importantes da cidade do Rio de Janeiro e que os cariocas desconhecem.

Buenos Aires – Um naufrágio surpreendente

Saiba como é o mergulho nesse famoso naufrágio da Ilha Rasa, no Rio de Janeiro.